10 curiosidades sobre o pintor Roberto Brito

Nascido no dia 6 de outubro de 1963. Romero Brito é um dos artistas mais prestigiados pelas celebridades americanas. Tendo pintado quadros para personalidades como Madona, Michael Jackson, e Arnold Schwarzenegger. Suas obras que caíram no gosto das celebridades por sua alegria e cor.

Natural de Pernambuco, começou sua careira como pintor aos 18 anos, mas ele desde cedo já vinha demonstrando interesse pelas artes plásticas. Atualmente vive em Miami, na Flórida, Estados Unidos (EUA). Aqui estão as 10 curiosidades sobre o pintor brasileiro Romero Brito.

10. Sua arte é usada para humanizar espaços

espaço-pintura-romero-brito
jconline.ne10.uol.com.br

Muros do centro de Atendimento Socioeducativo (Case) Cabo de Santo Agostinho, Unidade Socioeducativo, ganharam outras cores e significados em 2018. Depois que o projeto “Recuperando Vida e Espaços” usou a arte pop pernambucana de Romero Brito. Que é conhecida pelas cores vibrantes e composições ousadas.

Pinturas estas que foram feitas por estudantes da Escola Estadual Luísa Guerra, que vem transformando os ambientes, desenvolvendo técnicas de pintura e desenho. Os alunos primeiro conheceram a arte literária, as obras de Romero Brito e sua história de vida, antes de se aventurarem nos muros.

9. Ganhou medalha da Casa da Moeda

roberto-ganha-medalha-casa-moeda
diariodepernambuco.com.br

Em 2017, Romero ganhou medalhas comemorativas do Clube da Medalha, que foram feitas pela Casa da Moeda do Brasil. O moeda que tem estampada o autorretrato do pintor em metal, enquanto que a coroa é uma reprodução do quadro A new day, que é assinado por Romero.

O artista disse que ficou muito honrado e era um momento muito especial por ter sido homenageado por uma organização tão importante no Brasil. A produção dos objetos na altura contou com uma inovação tecnológica, que é o uso de uma máquina tampográfica, que registra imagens em diferentes materiais – incluindo metais.

8. Já fez parceria com Michael Jackson

romero-fez-paceria-michael-jackson
ego.globo.com

Sendo um dos artistas brasileiros de maior sucesso no exterior, Romero Brito é um dos brasileiros que conheceu Michael Jackson. Em 2002, quando o pintor foi convidado para produzir uma edição especial feita para as famílias das vítimas dos ataques terroristas de 11 de setembro.

Participando ativamente, na época, Romero se encontrou com Michael em Los Angeles (EUA) para divulgação do single “What More Can I Give”, onde depois disso o rei do pop autografou sua pintura, capa do disco.

7. Pintou um quadro para homenagear Nossa Senhora Aparecida

romero-homenagear Nossa Senhora Aparecida
g1.globo.com

Também em 2017, com cores vibrantes, que é sua marca registrada, o artista pernambucano, pintou a imagem de Nossa Senhora Aparecida. Quadro este que foi pintado em homenagem ao jubileu da padroeira e doou a obra para o santuário nacional. Na pintura do quadro ele usou as cores da bandeira do Brasil.

A pintura teria sido pedida pela Rede Vanguarda, que também convidou oito artistas brasileiros a retratarem Aparecida nos 300 anos do encontro da imagem no Rio Paraíba do Sul. Para além de Romero, o cartunista Maurício de Sousa e o escultor Gilmar Pina, também participaram da exposição.

6. Fez também pintura de ex-presidente dos EUA Obama

romero-pinta-quadro-obama
g1.globo.com

Depois de pintar vários retratos de políticos, em 2016, foi a vez de Barack Obama. Em seus momentos finais na Casa Branca, o presidente dos Estados Unidos recebeu de presente um quadro em que aparece ao lado de sua mulher, Michele. O quadro foi entregue por Brendan, filho de Romero com a americana Cheryl Ann.

O artista brasileiro que não pôde ir ao encontro porque estava participando de exposições na Europa. Em seu perfil no Instragram, o pintor disse que foi um momento histórico e que foi a realização de um sonho americano.

5. Já criou um design especial do carro de Lucas Foresti para corrida do Milhão

romero-decora-carro-corrida
pistalivre.com.br

Romero assinou, em 2017, um layout completo de um carro da Stock Car em uma parceria especial que foi voltada para a principal corrida daquela temporada. O macacão também foi desenvolvido pelo artista e depois foi entregue para um leilão da Casa Ronald Campinas.

Ele que anteriormente já tinha pintado uma asa traseira há alguns anos. O artista que sempre foi um amante de velocidade e de carros, já tinha pintado carros de rua, um carro de Fórmula 1, e quando o piloto Lucas Foresti o propôs ele aceitou na hora.

4. Suas obras ajudaram idosos a melhorar coordenação motora e aliviar ansiedade

obras-romero-ajuda-idosos
agoravale.com.br

Um projeto de arte terapia utiliza obras de Romero para ajudar idosos a melhorar a coordenação motora, nas expressões criativas, na liberação de emoções e outras características. O projeto, intitulado “Arte Experiente da Terceira Idade” foi desenvolvido pela Professora Letícia Antunes de Moura Godinho, da Fundação José Carlos da Rocha em 2017. Que ofereceu aulas de pinturas a 25 idosos entre uma ou duas vezes por semana.

Segundo a Letícia, o resultado foi surpreendente, porque antes do projeto, eles nunca tinham pintado ou participado de nenhuma iniciativa envolvendo arte. Mas depois das aulas eles utilizavam telas, pinceis, tintas e uma grande variedade de cores e formas como o estilo de Romero.

Ela disse que tudo isso contribuiu para uma melhora gradual e acentuada na coordenação motora, na diferenciação de cores e formas, na interação entre membros do grupo, liberação de emoções e uma nítida redução na ansiedade e nos medos.

3. Ele já processou Apple e o processo foi descartado

romero-processa-apple
entretenimento.uol.com.br

O pintor teve em 2016, seu processo movido a mais de um ano contra Apple descartado. Em que ele acusava a empresa de tecnologia de usar ilegalmente imagens muito semelhantes às suas em campanhas publicitárias. Na época do processo, o artista teria acusado a empresa de violação de direitos autorais e “competição desleal”.

O motivo para o descarte não foi revelado. Mas no entanto, A Apple não usou mais as imagens em suas campanhas. E ironicamente, o estúdio de Romero fica a um quarteirão de uma loja da Apple, em Miami (EUA).

2. Romero e Hublot já lançaram um relógio

remoro-lança-relógio-hublot
exame.abril.com.br

Enfeitou um relógio Hublot, que foi colocado num leilão beneficente Only Watch em 2015 na cidade de São Paulo. Chamado de Classic Fusion Only Watch Britto, todo valor que foi conseguido da peça foi revertido para estudos e tratamentos de distrofia muscular Duchenne. Quem comprou a peça também levou uma tela com o desenho que inspirou a decoração do mostrador.

O relógio que é uma peça única, que depois passou por Mônaco, Hong Kong, Pequim, Nova York e Londres, onde foi exposto para o público e compradores.

1. Foi embaixador olímpico do Brasil

romero-embaixador-rio-2016
fifa.com

O pernambucano, que mora nos EUA, foi escolhido em 2015 como um dos “embaixadores olímpicos brasileiros” pelo Comitê Olímpico Brasileiro. Os embaixadores que tinham a missão de estimular a participação e apoio das torcidas em eventos internacionais, que no caso, foi as Olimpíadas do Rio, que se realizaram em 2016.

Romero juntou-se então aos outros embaixadores como: Toni Garrido, Preta Gil, Luciano Huck, Otaviano Costa, Rodrigo Lombardi e Roberta Sudbrack.

 

COMPARTILHAR